O Dia Mundial da Prematuridade! Um em cada 10 bebês nasce prematuro e o Novembro Roxo chama atenção para o assunto. A prematuridade é a principal causa de mortalidade infantil, um problema de saúde pública no Brasil e no mundo.

O bebê prematuro é a criança nascida antes das 37 semanas de gestação completas – de acordo com a definição da Organização Munidial da Saúde (OMS). Os prematuros podem apresentar algumas complicações de saúde devido ao nascimento antes do tempo. Mas, graças aos avanços na medicina e aos cuidados especiais com esses pequenos pacientes, o bebê prematuro tem muitas chances de se desenvolver normalmente.

As causas da prematuridade

As causas mais comuns de prematuridade são: pressão alta; descolamento prematuro de placenta; diabetes; alterações de tireoide; infecções ocasionadas por doenças congênitas como a sífilis e o HIV. “Em alguns casos, é possível prevenir o parto prematuro através de um controle de pré-natal adequado. Assim, é possível identificar e tratar as condições que podem resultar em antecipação do parto”.

O BEBÊ PREMATURO É CLASSIFICADO DE ACORDO COM A IDADE GESTACIONAL:

  • Bebê prematuro extremo: nascido antes de 28 semanas de gestação
  • Bebê muito prematuro: nascido entre 28 e 32 semanas de gestação
  • Bebê prematuro moderado a tardio: nascido entre 32 e 37 semanas de gestação

Quanto mais prematuro o bebê, maiores são os riscos para sua saúde pois seus órgãos e sistemas ainda não estão completamente desenvolvidos. Mas, com os constantes avanços da medicina e os cuidados especiais dedicados a esta população, as chances deles se desenvolverem normalmente e com qualidade de vida são cada vez mais altas.

INCIDÊNCIAS DE PREMATUROS

“Uma nova pesquisa sobre o nascimento de crianças no Brasil, liderada pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel) em parceria com outras 12 universidades do país, com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e com o Ministério da Saúde, revela que 11,7% dos partos brasileiros são prematuros – bebês nascidos abaixo de 37 semanas de gestação.

Esse dado é referente ao ano de 2010 e revisa para cima os números do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), do Sistema Único de Saúde (SUS), que apontava uma taxa de prematuridade de 7,2%.

Quais os Cuidados para a sobrevivência do bebê prematuro?

Após o nascimento, o bebê necessita de cuidados especias e pode ser internando na Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal (UTIN), que  Conta com os principais recursos (especialistas e equipamentos) necessários para que as funções vitais do bebê se desenvolvam corretamente.

CONHEÇA A LINDA HISTÓRIA DE “DEBORA QUEIROZ”

 

Debora Queiroz – Mãe de anjo. Como todas as Mães, Débora, juntamente com seu Marido, Sr.Daniel Queiroz, sonharam, planejaram seu bebê, mas infelizmente as coisas não aconteceram conforme planejaram! Sophia nasceu no dia 10 de agosto de 2017, com 28 semanas, e com apenas 780 gramas e após passar por inúmeros obstáculos, veio a perder quilos, chegando a pesar 540g.

 

 

 

Primeira foto Sophia com 20 dias 540g e a segunda com 5 meses 2.630 kg.

“Ao comparar essas fotos, só me faz ter certeza de que Deus está conosco a todo momento e xxxxx que somos um milagre. Desde que Sophia estava no meu ventre, levei alguns sustos indo para o trabalho: presenciei tiroteios; assaltos; mas Deus nunca deixou que algo nos acontecesse. Deus me tem feito forte e quando me vejo nessa situaçao não tenho palavras para agradecer sua misericórdia e amor para comigo e minha família.” – Debora Queiroz

(texto extraído da publicação em sua página no facebook, no dia 11 de janeiro de 2018).

 

 

 

Pezinho da Shofia

Desde o dia em que Sophia naceu, seus pais sempre estiveram ao seu lado, curtindo cada momento, cada mês foi festejado com muita felicidade! A pequena Shofia é gueirra e forte. Hoje, a pequena Shofia – anjo de Deus -, encontra-se nos braços do Pai celestial. Seus pais acreditam que a sua missão aqui na terra foi cumprinda.

O senhor só me deu ela por um tempo, durante 7meses só pra eu saber o amor de uma mãe pelo filho, o senhor levou meu anjo pra cuidar. Sempre serei mãe, a mãe da Sophia, minha guerreira que lutou pela vida, papai e mamãe sempre vão amar!”

 

 

 

https://www.facebook.com/debora.silvadejesus.

Fontes:

https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/direito/conceitos-de-prematuridade/18622

http://prematuridade.com/index.php/interna-post/pesquisa-revela-que-11-7-dos-partos-brasileiros-sao-prematuros-7451

https://www.prematuro.com.br/bebe-prematuro/quem-e-o-bebe-prematuro.html

https://lunetas.com.br/bebe-prematuro-uma-conversa-com-coordenadora-de-uti-neonatal/

debora.queirozba@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *