O Dia Nacional da Saúde é celebrado no Brasil em 05 de agosto, oficializada pelo decreto de Lei nº 5.352 de 08 de novembro de 1957, em homenagem ao sanitarista Oswaldo da Cruz, que nasceu no mesmo dia. Oswaldo Cruz foi um dos principais responsáveis pela erradicação das principais epidemias que acometiam o país no final do século XIX e início do século XX, como a peste, febre amarela e varíola; um personagem importante na história da saúde brasileira, assim a data ressalta a importância da educação sanitária e o cuidado com a saúde para a população.

Segundo a Organização Mundial de Saúde, a definição de saúde é um estado completo de bem-estar físico, mental e social, e não apenas ausência de doença ou enfermidade, assim saúde está relacionada a uma verdadeira qualidade de vida, resultado de um equilíbrio orgânico e emocional.

Essa data deve ser vista como um dia para fazermos repensar em como, de forma simples podemos melhorar nossa saúde. A educação sanitária envolve principalmente o desenvolvimento de hábitos na população que evitem seu adoecimento e sua relação com o meio ambiente. Existe uma relação intima entre higiene pessoal, autocuidado e preservação do ambiente em que vivemos. O clichê que já conhecemos, mas que é sempre bom relembrar e colocar em prática, como reduzir o consumo desnecessário de água e energia elétrica, evitar poluir o meio ambiente, não jogar lixo na rua e realizar um tratamento adequado do nosso lixo, contribui para um ambiente limpo e sem risco para nossa saúde. A higiene pessoal como lavar as mãos, tomar banho, cortar e manter as unhas limpas, são hábitos simples e corriqueiros que evitam doenças e contaminação por bactérias.

O autocuidado, consciência com a saúde, vai além da higiene pessoal, engloba manter as nossas necessidades satisfeitas; sejam elas manter uma alimentação balanceada em nutrientes, praticar exercícios físicos, usufruir de descanso em tempo e qualidade adequado, momento de lazer e convívio com pessoas que nos façam bem.

Por ser ações simples podem passar no nosso dia a dia de forma despercebidas ou não damos tanta importância, mas fazem diferença no bem-estar e na nossa qualidade de vida. E você já pensou no que pode fazer para melhorar ou manter a sua saúde hoje?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *